sexta-feira, 17 de junho de 2016

Adolfo de Osnabrueck - 17 de Junho


Adolfo de Osnabrueck

Adolfo nasceu por volta de 1185, filho do conde vestfaliano Simão de Tecklenburg. Foi educado pelos monges do célebre mosteiro de Camp, nas margens do Reno inferior. O exemplo dos monges cistercienses e a sua vida devotada a Deus exerceram uma forte impressão sobre o jovem filho do conde. Gostaria mesmo de ter, entrado na Ordem e ter trabahodo e rezado qual irmão entre os monges confrades. Mas o pai se opôs; concordou contudo, que o jovem estudasse teologia e, em seguida, recebesse a ordenação sacedotal.

São Bessarião - 17 de Junho


SÃO BESSARIÃO (400)

Foi um santo popular entre os gregos. Cedo abandonou a casa, vestido apenas com um manto, do qual se privou para envolver um defunto antes de sepultá-lo. Levava consigo um exemplar do Evangelho, mas acabou vendendo-o para dar o dinheiro a um pobre. Aos monges admirados com seu desapego ele dizia: “Dei o livro no qual se lê que é para dar tudo!”.

São Ranieri de Pisa - 17 de Junho





São Rainério, instrumento de conversão para muitos

Se retirou por um tempo em penitência e nesse momento acontece seu chamado para deixar todos os seus bens
Nasceu em Pisa, Itália, no ano de 1118. O santo de hoje teve a graça de nascer em um lar cristão, porém, optou por uma vida no pecado e a consequência foi o vazio existencial. Providencialmente encontrou com Alberto de Córsega, uma grande testemunha em seu tempo, que deixara tudo por causa de Jesus.

quinta-feira, 16 de junho de 2016

Santa Lutgarda - 16 de Junho


Santa Lutgarda
NascimentoNo ano de 1182
Local nascimentoTongres (Holanda)
OrdemCistercienses
Local vidaAswieres
EspiritualidadeUma das místicas mais notáveis dos séculos doze e treze. Aos doze anos foi recomendada às monjas beneditinas do convento de Santa Catarina. Teve a graça de compartilhar, misticamente, o sofrimento de Nosso Salvador, quando meditava sobre Sua Paixão; nessas ocasiões, apareciam sobre sua fronte pequenas gotas de sangue. Sentia como próprias os dores dos seres humanos. Fazia doze anos que Lutgarda vivia na convento de Santa Catarina, quando sentiu chamada a prosseguir as regras mais estritas dos cistercienses. Decidiu entrar à casa do Cister em Aywieres. Deus lhe concedeu poderes para curar enfermidades, para profetizar e conhecer, o significado das Sagradas Escrituras. Onze anos antes de morrer perdeu a visão, assumiu este dor com a alegria, entendendo-a como uma graça de Deus para desprende-la mais do mundo visível. A Beata Maria de Oignies assegurava que nada havia tão eficaz para conseguir a conversão dos pecadores e a libertação das almas do purgatório, como as orações de Santa Lutgarda. Faleceu a noite anterior à festa da Santíssima Trindade, precisamente quando começava o ofício noturno para no domingo.
Local morteNo convento de Aswieres
Morte16 de junho de 1246, aos 64 anos de idade
Fonte informaçãoSanto nosos de cada dia, rogai por nós
DevoçãoÀ oração
PadroeiroDas almas do purgatório e conversões
Outros Santos do diaFrancisco de Régis S.J., Ferreolo e Ferrucio, Quírico e Julita, Áureo e Justina, Aceténea e Creciniana (mártires); Ticão, Aureliano, Cecardo, Similiano Benão e Dôndo (bispos); Alnegunda, Mectonda, Lutgarda, Vibranda e Criscona (cfs); Armando (erm); Barnabé (monge).
FONTE: ASJ

São Tícon - 16 de Junho


Tícon, filho de um padeiro, na ilha de Chipre, era um rapaz muito generoso. Sempre que seu pai deixava o filho sozinho na loja, o jovem santo dava o pão livremente para aqueles que precisavam. Descobrindo isso, seu pai ficou furioso, mas o filho disse que tinha lido nas Escrituras, que, ao dar a Deus você recebe de volta cem vezes mais. "Eu", disse o jovem, "dei a Deus o pão que foi tomado", e ele convenceu o pai a ir para o lugar onde o grão estava armazenado. Com espanto o pai viu que o celeiro, que antes estava vazio, agora estava transbordando com o trigo. A partir desse momento o pai não impediu seu filho de distribuir pão aos pobres.

Santos Julita e Ciro - 16 de Junho


Santos Julita e Ciro
+304
Julita vivia na cidade de Icônio, na Licaônia, atualmente Turquia. Ela era uma senhora riquíssima, da alta aristocracia e cristã, que se tornara viúva logo após ter dado à luz um menino. Ele foi batizado com o nome de Ciro, mas também atendia pelo diminutivo Ciríaco ou Quiríaco. Tinha três anos de idade quando o sanguinário imperador Diocleciano começou a perseguir, prender e matar cristãos.

São Francisco Régis - 16 de Junho





São Francisco Régis, fez inúmeras obras sociais

Evangelizava as aldeias durante o inverno e, no verão as cidades, nestes lugares colocava todo o seu zelo
O santo de hoje nasceu no ano de 1597 numa aldeia francesa. Muito cedo recebeu a graça de ser despertado para o chamado a santidade. Quando Francisco foi estudar no colégio dos Jesuítas, formou um grupo de rapazes dispostos a viverem o Evangelho. Ao entrar para a Companhia de Jesus, que fazia um lindo trabalho missionário, conseguiu ele ser exemplar em todas as etapas de sua formação que desembocou no exercício do ministério sacerdotal. Como padre priorizou a assistência aos doentes atingidos por uma peste crescente e desejou evangelizar as terras da América, Índia – coisa que não aconteceu – já que foi enviado para uma região desassistida da França.

quarta-feira, 15 de junho de 2016

Santa Germana Cousin, Virgem - 15 de Junho


Germana Cousin falecida em 1601, deixou o mundo bastante jovem: vinte e dois anos. Foi, desde que perdeu a mãe, que não chegou a conhecer, perene sofredora.
Filha dum pobre lavrador de Pibrac, aldeia que se situava perto de Tolosa, nasceu em 1579, quando das tristes guerras de religião. Magra, mal nutrida, escrofulosa, tinha umas das mãos, a direita, deformada.

São Vito - 15 de Junho


São Vito
Século III e IV
Vito nasceu no final do século III, na antiga cidade de Mazara, na Sicília ocidental, numa família pagã, muito rica e de nobre estirpe. Sua mãe morreu quando ele tinha tenra idade e seu pai, Halaz, contratou uma ama, Crescência, para cuidar do pequenino. Ela era cristã, viúva e tinha perdido o único filho havia pouco tempo, era de linhagem nobre, mas em decadência financeira. Ele ainda providenciou um professor, chamado Modesto, para instruir e formar seu herdeiro. Entretanto, o professor também era cristão.

Bem-aventurada Albertina Berkenbrock - 15 de Junho





Bem-aventurada Albertina Berkenbrock, primeira mártir brasileira

Albertina Berkenbrock, desde cedo despontava na vida de oração, no amor à família e ao próximo
A primeira mártir brasileira nasceu em Santa Catarina em 11 de abril de 1919.
Desde cedo despontava na vida de oração, no amor à família e ao próximo. Se unia ao crucificado por meio de penitências. Jovem, mas centrada no mistério da Eucaristia, tinha vida sacramental, penitencial e de oração.

terça-feira, 14 de junho de 2016

São Basílio - 14 de Junho


São Basílio Magno, Confessor e Doutor


São Basílio, este grande doutor da Igreja, nasceu em 330, na cidade de Cesaréia, na Capadócia, como o mais velho de quatro irmãos, dos quais três alcançaram adignidade episcopal. De cinco irmãs, a mais velha, Macrina, dedicou a sua vida a Deus.

Beato Fernando de Portugal - 14 de Junho


Fernando, o Infante Santo

Beato Fernando
Um dos Painéis de São Vicente de Foramostrando Fernando.
ca. 1450-1470. Por Nuno Gonçalves, atualmente no Museu Nacional de Arte Antiga, em Lisboa.
Infante Santo
Nascimento29 de setembro de1402 em SantarémReino de Portugal
Morte5 de junho de1443 (40 anos) em Fez,Marrocos
Veneração porIgreja Católica
Beatificação1470
Gloriole.svg Portal dos Santos

Beato Fernando de Portugal, dito o Infante Santo (Santarém29 de setembro de 1402 – Fez5 de junho de 1443) era o oitavo filho do rei João I de Portugal e de sua mulher Filipa de Lencastre, o mais novo dos membros da Ínclita Geração.

História

Santo Eliseu - 14 de Junho


O Profeta Eliseu e a tradição do Carmelo

Por D. Frei Wilmar Santin, O.Carm.


Na Bíblia

O ciclo de Eliseu (2Rs 2-9.13,1-10) está ligado com o de Elias. A vocação de Eliseu está colocada após a teofania do Horeb (1Rs 19,16-21). Segundo a ordem divina, ele é aquele que deve suceder ao Tesbita. Por isso torna-se seu servidor e discípulo (2Rs 2,1-18). Pelo fato de acompanhar e ser testemunha do rapto de Elias, Eliseu herda o duplo espírito do Tesbita (2Rs 2,1-18). O carro e os cavalos que raptaram Elias constituem a escolta invisível de Eliseu (2Rs 6,17). Numerosos milagres e prodígios exaltam “o homem de Deus”, o taumaturgo a serviço dos pobres e que intervém na política. Morto, o seu cadáver ressuscita um morto (2Rs 13,20-21). No livro do Eclesiástico, o seu elogio segue o do seu mestre (Eclo 48,12-14) e recorda o dom do espírito de Elias que recebeu durante o rapto. Entre as suas obras maravilhosas é indicada a ressurreição de um morto após a sua morte. A cura de Naamã, o Sírio, é recordada no Evangelho (Lc 4,27), também depois de recordar Elias.

Bem-aventurada Iolanda da Polonia - 14 de Junho


Iolanda da Polonia
Bem-aventurada
1235-1299
Iolanda, ou Helena, como foi chamada depois pelos súditos poloneses, nasceu no ano de 1235, filha de Bela IV, rei da Hungria, que era terciário franciscano, e irmã da bem-aventurada Cunegundes. Além disso, era sobrinha de santa Isabel da Hungria, também da Ordem Terceira. Aliás, a tradição franciscana acompanhou a linhagem desde seus primórdios, pois a família descendia de santa Edwiges, santo Estêvão e são Ladislau.

Bem-aventurada Nhá-Chica - 14 de junho


Bem-aventurada Nhá Chica

Dia 14 de junho celebramos a bem-aventurada Nhá Chica

Francisca de Paula de Jesus, a Nhá Chica, é a primeira bem-aventurada negra do Brasil. Leiga, ela não pertencia a nenhuma ordem religiosa. Analfabeta, não lia a Bíblia, mas aplicava no dia a dia o amor ao próximo e a caridade, o que a fez ser conhecida como "Mãe dos Pobres".

Santa Clotilde - 14 de Junho






Santa Clotilde, marcou a história política cristã da França

Empenhou-se nas obras religiosas, e ajudou na construção de igrejas e mosteiros
A santa que lembramos neste dia marcou a história política cristã da França, já que era filha do rei Ariano. Santa Clotilde nasceu em Leão – França – no ano de 475, e ao perder os pais muito cedo, acabou sendo muito bem educada pela tia que a introduziu na vida da Graça.