quinta-feira, 23 de junho de 2016

Solenidade do Nascimento de João Batista - 24 de Junho





Com muita alegria, a Igreja, solenemente, celebra o nascimento de São João Batista. Santo que, juntamente com a Santíssima Virgem Maria, é o único a ter o aniversário natalício recordado pela liturgia.

Santa Eteldreda ou Audrey - 23 de Junho


St. Etheldreda
São Etheldreda.JPG
nascimentoc. 636
falecimento23 de junho de 679
venerado emIgreja Católica, Comunhão Anglicana, Igreja Ortodoxa
festividade23 de junho
patrocínioSofrendo de garganta.
https://es.wikipedia.org/wiki/Eteldreda_de_Ely

Por volta de 640, houve uma princesa Inglês chamado Ethelreda, mas ela era conhecida como Audrey. Ela casou-se uma vez, mas ficou viúva depois de três anos, e dizia-se que o casamento nunca foi consumado. Ela tinha feito um voto perpétuo de virgindade, mas casou-se novamente, desta vez por razões de Estado. Seu jovem marido logo se cansou de viver como irmão e irmã e começou a fazer adiantamentos sobre ela. Ela continuamente recusou. Ele finalmente tentou subornar o bispo local, São Wilfrid de York, para liberar Audrey de seus votos.

Santos Martires de Nicomedia - 23 de Junho


Santos Mártires de Nicomédia, mártires

Data: 23 de junho

Data no calendário anterior: 25 de dezembro

†: 303 - País: Turquia

canonização pré-congregação

hagiografia: "Vidas dos Santos A. Butler" Herbert Thurston, SI

Comemoração de muitos santos mártires de Nicomédia, que no tempo do imperador Diocleciano, refugiados montanhas e cavernas, com o martírio aceita sereno para o nome de Cristo.

São José Cafasso - 23 de Junho





São José Cafasso conhecido como o "Santo da Forca"

Como um sacerdote sintonizado ao coração do Cristo, sabia muito bem colocar sua cultura eclesiástica, dons e carismas a serviço do próximo
O santo de hoje nasceu em Castelnuevo, Itália, no ano de 1811, onde também nasceu o grande São João Bosco. José Cafasso, desde criança, sentiu-se chamado ao sacerdócio, que foi se tornando cada vez mais forte no decorrer de sua vida com Deus.

segunda-feira, 20 de junho de 2016

José Cafasso - 22 de junho


José Cafasso

Os turinenses chamavam-no "o padre da força," com uma mistura de admiração e de compaixão, porque em toda execução capital ao lado do condenado estava sempre o padre José Cafasso, um padreco magro, encurvado não pelos anos (morreu aos 49 anos em 1860); mas pelo desvio da espinha dorsal que o obrigava a estar inclinado também nas poucas horas do dia em que passava fora do confessionário.

Santo Albano - 22 de Junho


Santo Albano
Século III
Albano é o primeiro mártir cristão da Inglaterra, onde prestou serviço no exército romano, como soldado. Albano, cuja origem talvez fosse romana, residia em Verulamium, a cidade-fortaleza construída pelos romanos a sudeste da ilha britânica, perto do rio Ver. Sendo um pagão, não tinha nada a temer quando chegou à ilha a perseguição anticristã, possivelmente a decretada pelo imperador Sétimo Severo e não a do seu sucessor Diocleciano, como alguns historiadores acreditam.

São Paulino de Nola - 22 de Junho


São Paulino de Nola
355-431
Paulino nasceu no ano de 355, na cidade de Bordeaux, na França. Seu pai era um alto funcionário imperial e toda a família ocupava posição de destaque na economia e na corte.

Santos João Fischer e Tomás More - 22 de Junho





João Fischer era inglês, chamado por Deus à vida sacerdotal. Fez uma linda caminhada acadêmica até chegar a ser Arcebispo de Rochester.
Foi um homem de grande influência intelectual, cultural e religiosa a partir do seu testemunho. Ele não se vendia: diante do contexto das confusões da Reforma ele já havia se declarado contra. Também escreveu e defendeu a fé católica.

São Luís Gonzaga - 21 de Junho




Considerado o “Patrono da Juventude”, São Luís Gonzaga nasceu no ano de 1568 na Corte de Castiglione. Recebeu por parte de sua mãe a formação cristã. Já seu pai o motivava a ser príncipe. Sua família tinha muitas posses mas, graças ao amor de Deus, Luís – desde cedo – deixou-se possuir por esse amor.

São Silvério, Papa e Mártir - 20 de junho


São Silvério, Papa ertir


Pontificado - 536 a 537

Comemoração Litúrgica: 20 de junho

Também nesta data: Santas Florentina e Miquelina de Pesaro

O pontificado de São Silvério coincide com a ocupação da Itália pelos imperadores bizantinos. A nota característica do seu governo é a firmeza e intrepidez com que defendeu os direitos da igreja, contra a imperatriz Teodora. Eis o fato como os hagiógrafos o relatam.

São Pedro Rinscel - 20 de junho



São Pedro Rinscel

NascimentoNo ano de 1588
Local nascimentoJapão (Faciram)
OrdemJesuíta
Local vidaNagasaki - preso
EspiritualidadeRealizou seus estudos no seminário de Arima, colaborou como catequista com os jesuítas na evangelização dos seus compatriotas. Após o ano de 1618 esteve sempre às ordens do provincial Pe. Francisco Pacheco, português, que tinha escolhido como sede, Cocinótzu de Arima, durante a violenta perseguição nos anos de 1620-24. Por uma denúncia, esse padre foi capturado em 1625 e Pedro foi levado para a prisão de Scimabata, onde tinha escassa e horrível alimentação e ficava sujeito aos rigores do tempo. Porém, com outros irmãos de fé, também prisioneiros, sentiam-se aliviados e confortados através das orações e conforto recíprocos. O pe. Francisco admitiu-o, mesmo na prisão, na Ordem dos Jesuítas. Em 1726 o governador Caváci ordenou que transferissem Pedro e os outros companheiros cristãos, para Nagasaki, sob forte escolta. Amarraram Pedro em uma madeira para queimá-lo vivo e em fogo lento.
Local morteNagasaki
Morte20 de junho de 1626, aos 38 anos de idade
Fonte informaçãoSanto nosso de cada dia, rogai por nós
DevoçãoÀ evangelização
PadroeiroDos perseguidos pela causa da fé
Outros Santos do diaSilvério (Papa); Aldegunda e Florentina (virgens); Macário, Inocêncio (bispos); Reginberto, Bertoldo e Menrico (confs); Novato, Paula e Ciríaco (mártires); José (anac).
FONTE: ASJ

João Fisher e Tomás Mare - 20 de junho


João Fisher e Tomás Mare

Em 1935 Pio XI, canonizando no mesmo dia estes dois santos, que sofreram a decapitação pela coragem com que defenderam sua fé, os propôs como "dois exemplos de fidelidade aos cristãos da nossa época."O machado do carrasco que decepou as suas vidas em 1535, atingio muitos outros católicos, réus por não haverem aderido ao assim chamado: "Atos de supremacia", mediante o qual o Enrrique VIII tinha se proclamado chefe da Igreja nacional inglesa, por que o papa se negara a dar-lhe o divorcio de sua primeira mulher, Catarina para ele poder desposar Ana Bolena. Os dois santos de hoje são as duas vítimas mais ilustre das pretensões do rei.

Bem-aventurada Margarida Ebner - 20 de Junho


Margarida Ebner
Bem-aventurada
1291-1351
Margarida pertencia à família Ebner, muito rica e respeitada, da aristocracia alemã. Ela entrou no Mosteiro de Maria Santíssima em Medingen, da diocese de Augusta, e tinha apenas quinze anos de idade quando vestiu o hábito dominicano.

Bem-aventuradas Teresa, Mafalda e Sancha - 20 de Junho



Bem-aventuradas Teresa, Mafalda e Sancha - mulheres de oração

Teresa, Mafalda e Sancha, filhas de Dom Sancho I e da Rainha Dulce, eram portuguesas.
Teresa, a primogênita, nasceu em 1177. Desde de cedo, muito bem educada, sentiu o chamado à vida religiosa, mas conforme o costume do tempo, acabou sendo dada em casamento com o Rei Afonso e tornou-se Rainha de Lion. Por diversos motivos o casamento foi nulo. Ela voltou pra casa e entrou para a vida religiosa. Afonso não gostou e armou uma guerra contra o pai de Teresa e contra Portugal. Ela, já no convento, consumiu-se na intercessão. Um exemplo a seguir de despojamento e de busca da vontade de Deus.

Santa Ema de Gurk - 19 de Junho


Santa Ema de Gurk
980-1070
A vida de Ema de Gurk teve de ser rastreada pela história com o raciocínio de um pesquisador: contando com poucos traços seguros e interpretando as mais diversas e seculares tradições austríacas. Os registros afirmam que seus pais eram nobres cristãos e que ela nasceu em 980, na cidade de Karnten, Áustria. Depois, só encontraremos informações de Ema quando já casada, na época do imperador Henrique II.

Santa Juliana Falconieri - 19 de Junho


Santa Juliana Falconieri
1270-1341
Fundou a Congregação
Servas de Maria
Juliana nasceu em Florença no ano de 1270. Era filha única do já idoso casal Caríssimo e Ricordata, da riquíssima disnatia dos Falconieri. De grande tradição na aristocracia, bem como no clero, a família contribuiu ao longo do tempo com muitos santos venerados nos altares da Igreja. Ela era sobrinha de santo Aleixo Falconieri, um dos sete fundadores da Ordem dos Servos de Maria, e como ele também trilhou o caminho para a santidade.

Santos Gervásio e Protásio - 19 de Junho


Santos Gervásio e Protásio
Século II
Entre os muitos méritos de santo Ambrósio, o grande bispo de Milão, está a exaltação e devoção de alguns mártires que ele encontrou por toda sua diocese. Construída no século I, a pastoral de Ambrósio parecia, ainda, abrigar muitos corpos, ocultos, de mártires das perseguições dos séculos precedentes.

São Romualdo - 19 de Junho





São Romualdo, fundador da Ordem Camaldulense

Saiu das vaidades do mundo e encontrou em Deus o sentido para tudo
Nasceu em Ravena (Itália) no ano de 952. Deixou-se influenciar livremente numa vida distante do Evangelho. Sua juventude era feita de caça, exercícios bélicos e diversões. A diversão era o centro de sua vida. A vaidade era o seu deus. Uma vida sem sentido acompanhava aquele jovem.

Beata Osanna Andreasi de Mântua - 18 de junho

Beata Osanna Andreasi de Mântua




Comemoração Litúrgica: 18 de junho.

Também nesta data - Santos:  Gregório, Armando, Isabel e Marina

As informações que temos da Beata Osanna de Mântua é derivada de dois contemporâneos que a  conheceram e escreveram imediatamente depois de sua morte. Uma das biografias foi lavrada pelo mestre da Ordem Dominicana e  por um Teólogo muito notável,  Silvestre de Ferrara (1505) e outra (1507) pelo monge Jerome de Olivetan (beneditino reformado) que, nos últimos anos da vida de Osanna, tornou-se seu confidente e guia espiritual. Sua biografia consiste pela maior parte em registro detalhado de conversações Osanna com seu diretor espiritual.  Jerome diz que Osanna era muito relutante, mesmo com ele, em que confiava completamente, para falar de suas experiências espirituais;  mas descreve repetidamente  como ele paciente a manteve, mediante questionamentos e busca de informações que guardou para si, cujo fim, como ele diz, servia para suas próprias "consolações espirituais e fonte de inspiração".  Um processo difícil, segundo ele,  pois que Osanna costumava entrar em êxtase cada vez que se começava a falar de Deus.

Santa Juliana de Falconieri - 18 de junho


JULIANA FALCONIERI
Religiosa, Santa
1270-1340

Na cidade de Florença havia dois irmãos, nobres e ricos, Caríssimo e Aléssio Falconieri; exerciam o comércio como a maior parte das mais ilustres famílias de Florença e de outras cidades da Itália. O bem-aventurado Aléssio Falconieri tinha devoção particular pela Mãe de Deus. Foi um dos sete comerciantes de Florença, todos bem-aventurados, que, com São Felipe Beniti, seu compatriota, fundaram a ordem dos Servitas. Chama-se servitas pessoas religiosas que se consagram ao serviço de Deus sob a protecção especial da Santa Virgem. Caríssimo Falconieri, avançando em idade, impressionou-se com o exemplo e as exortações do piedoso irmão.

São Calógero - 18 de Junho


Eremita (+486)

O santo – popular na Sicília, sobretudo em Agrigento, cidade da qual é padroeiro – é de origem grega, como sugere o nome, que quer dizer belo velho. Peregrino de Constantinopla a Roma, recebeu o hábito monacal das mãos do papa e a missão de evangelizar a ilha de Lipari. Daí atingiu depois Agrigento, passando por Caltagirone, Licata e prosseguindo depois por Sciacca, na localidade de Gemmarino – zona deserta, que julgou adequada para viver como eremita, onde se ergue seu mais renomado santuário. Essas são as informações, depuradas dos inevitáveis embelezamentos da lenda, a qual é rica em particulares e variantes.

São Gregório Barbarigo - 18 de Junho






São Gregório Barbarigo, um homem de oração

Era um homem de grandes atividades, porque tinha grande intimidade com o Senhor
Nasceu em Veneza no ano de 1625 dentro de uma família nobre, que proporcionou a ele uma formação intelectual muito boa e também integral. Ele conheceu o Cristianismo através do testemunho de sua família.